terça-feira, 5 de julho de 2016

Altruístas ou Interesseiros ?



Podemos até dizer que ajudamos os outros sem querer nada em troca. Será que é “uma troca” tão ingénua como se supõe? Analisando bem, até que ponto ajudamos os outros sem pensar no “bem” que fazemos a nós mesmos. Será que alguém já ajudou o outro sem pensar o que ganharia com isso?

Muitas das vezes ajudamos os outros em troca de sorrisos, mais sentido a nossa vida, para termos uma vida “melhor” (nesta vida ou no além) e por vezes, mesquinhamente, para nos sentirmos “mais poderosos”, ou seja, ajudamos os outros para nos sentirmos “bem”. Contanto que seja pelo “bem” de todos que continuemos então a fazer com que os outros dêem mais sentido à nossa, que nos possam proporcionar momentos de sorrisos, que nos façam sentir mais poderosos desde que em troca demos algo que lhes dá mais poder. Ao que parece seremos sempre compensados, nesta ou noutra vida… Por isso, façamos bem aos outros! 

Paula Ribeiro